Alimentos ricos em gordura e açúcar devem ser consumidos com moderação. O problema está no excesso, ou seja, as pessoas hoje em dia abusam de alimentos ricos nesses ingredientes e deixam de dar prioridade para alimentos mais saudáveis como as frutas e os vegetais em geral.

A gordura é um nutriente que se consumido em pequenas quantidades é essencial para a manutenção da nossa saúde. Ela é importante para a absorção das vitaminas A, D, E e K, para a produção de hormônios sexuais, etc. No entanto, em excesso é responsável por doenças cardiovasculares, obesidade e até câncer. Hoje já se sabe que o excesso de gordura tem um forte vínculo com cânceres de mama e próstata. Orienta-se sempre as pessoas a evitarem alimentos excessivamente gordurosos e utilizar pequena quantidade de óleo vegetal no preparo de alimentos (os melhores são o oliva, canola, milho, girassol e soja). Evitar banha animal e gorduras hidrogenadas.

O açúcar (refinado, cristal ou mascavo) é um alimento energético que fornece apenas calorias, não contendo nenhum valor nutricional. O seu consumo excessivo tem sido associado a doenças como a obesidade e o diabetes, além de ser o principal vilão das cáries. Sempre que comemos açúcar o nosso pâncreas libera insulina, um hormônio que facilita a entrada de glicose nas células. Quando comemos muito açúcar, ocorre uma hiperinsulinemia, ou seja, uma alta taxa de insulina no sangue.

A sobrecarga constante de insulina, pode alterar a produção normal do hormônio e levar o indivíduo a desenvolver o diabetes do tipo 2, conhecido como diabetes de adulto.

Palavras relacionadas a este artigo:
  • produtos ricos em gorduras e açucares
  • produtos ricos em gordura e açucares
  • alimentos ricos em açucares e gorduras
  • doencas causadas por gorduras e açucar
  • gorduras em excesso