Perícia é o meio de prova feita pela atuação de técnicos ou doutos promovida pela autoridade policial ou judiciária, com a finalidade de esclarecer à Justiça sobre o fato de natureza duradoura ou permanente.

Finalidade da perícia técnica

Levar conhecimento técnico ao juiz, produzindo prova para auxiliá-lo em seu livre convencimento e levar ao processo a documentação técnica do fato, o qual é feito através de documentos legais.

Classificação das perícias

* Judicial – é determinada pela justiça de ofício ou a pedido das partes envolvidas;

* Extrajudicial – é feita a pedido das partes, particularmente;

* Necessária (ou obrigatória) – imposta por lei ou natureza do fato, quando a materialidade do fato se prova pela perícia. Se não for feita, o processo é passível de nulidade;

* Facultativa – quando se faz prova por outros meios, sem necessidade da perícia;

* Oficial – determinada pelo juiz;

* Requerida – solicitada pelas partes envolvidas no litígio;

* Contemporânea ao processo – feita no decorrer do processo;

* Cautelar – realizada na fase preparatória da ação, quando realizada antes do processo (ad perpetuam rei memorian);

* Direta – tendo presente o objeto da perícia; Indireta – feita pelos indícios ou seqüelas deixadas.

Palavras relacionadas a este artigo:
  • conceito de pericia
  • conceito e aplicações de perícia
  • perícia indireta conceito
  • classificação das perícias
  • perícia conceito