Futebol de Areia   História, Regras e Curiosidades do Esporte (futebol de praia)

futebol de areia

história do futebol de areia, regras e curiosidades do futebol de praia

O futebol de areia, também conhecido como futebol de praia, é a variável do futebol de campo praticada em campo de areia. Informalmente é praticado há décadas.

O campo:

Os jogadores dispõem de uma área 35 a 37 metros de comprimento por 26 a 28 metros de largura para mostrarem suas habilidades. O objetivo é meter a bola nas redes em um gol de 2,2 metros de altura por 5,5 metros de extensão.

A metade do campo é dividido por bandeiras vermelhas nas laterais, e a área para marcação de um penalty consiste nos nove metros a frente das balizas delimitadas por uma linha imaginária a partir de bandeiras amarelas nas laterais.

A bola:

Apesar de ter uma circunferência idêntica a uma bola de futebol normal (entre 68 e 70 cm), uma bola de futebol de praia é consideravelmente mais leve. Pesa de 400 a 440 gramas, e possui uma pressão entre 0.375 e 0.8 bars.

Regras:

Uma partida de futebol de areia é jogada entre dois times de cinco jogadores de linha mais um goleiro. Cinco jogadores adicionais podem ficar no banco de reservas. Como no futsal, um número ilimitado de substituições (incluindo os goleiros) pode ser realizado em qualquer momento do jogo. Os jogadores de futebol de areia não podem jogar com qualquer tipo de calçado e devem jogar descalços (pode-se usar meias mas tecnicamente não é interessante para o jogador).

O jogo tem dois juízes com igual autoridade para aplicar as regras do jogo. Um terceiro juiz e um responsável pela marcação do tempo ficam sentados na mesa de tempo, que fica na linha de meio de campo, ao mesmo lado da área de substituição.

Partidas são jogadas em três períodos iguais de 12 minutos de bola rolando. O tempo é parado quando um gol é marcado, quando o juiz apita uma falta ou tiro livre direto, ou quando um time gasta tempo em atitude anti-esportiva. Entre cada período há um intervalo de 3 minutos.

Uma prorrogação de três minutos deve ser disputada no caso de empate, seguida de uma disputa por pênaltis, caso necessário.

A bola deve ser colocada de volta em jogo seja por arremesso ou por chute a um companheiro de time. Goleiros podem apenas recomeçar o jogo com as mãos.

Não existem tiros indiretos no futebol de areia. Todos os tiros livres são diretos e chutados do lugar onde a falta foi cometida, ou da linha de meio-campo.

Barreiras não são permitidas nas cobranças de faltas, os jogadores adversários não devem ficar entre a bola e o goleiro durante o chute. A falta é sempre batida pelo jogador que sofreu a falta, exceto se este estiver lesionado. Na falta que for cometida em seu próprio campo, todos os outros jogadores que não o cobrador devem permanecer pelo menos a cinco metros da bola, mas não diretamente entre a bola e o gol. Se a falta foi cometida no campo de ataque, todos os jogadores devem permanecer atrás da bola.

Para faltas duras, um jogador deve receber um cartão amarelo. Por faltas graves ou após um segundo cartão amarelo, o jogador será punido com um cartão vermelho e deve retornar ao vestiário imediatamente. Após dois minutos de inferioridade numérica, o time desse jogador pode colocar um novo jogador.

História:

O futebol de areia começou a ser disputado oficialmente em 1992, quando as regras do jogo foram criadas e um campeonato piloto foi organizado em Los Angeles. No ano seguinte, o primeiro campeonato profissional em Miami Beach, com as equipes de Brasil, EUA, Itália e Argentina. O Brasil saiu vencedor, é claro!

Em abril de 1994, em Copacabana, no Rio de Janeiro, o primeiro evento de futebol de praia a ser transmitido pela televisão. No ano seguinte, o primeiro Campeonato Mundial que foi sediado no mesmo local. O campeão foi o Brasil, país-sede, que se tornou o primeiro campeão mundial de futebol de areia.

Os quatro anos seguintes viram o crescimento consolidado por maiores progressos dentro e fora de campo. Em 2004, a FIFA, vendo o crescimento e potencial do esporte, acabou decidindo que seria o órgão internacional responsável pelo futebol de areia, e, em maio de 2005 organiza a primeira Copa do Mundo de Futebol de Areia sob sua responsabilidade com sede mais uma vez na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, que acabou com o triunfo da França.

Atualmente, o Brasil configura como o maior vencedor entre as seleções. Seus maiores rivais são: Portugal, França e Argentina (essa apenas pela rivalidade pois sempre massacramos esse povo).

Palavras relacionadas a este artigo:
  • futebol de areia historia
  • historia do futebol de areia
  • futebol de areia regras
  • regras do futebol de areia
  • origem do futebol de areia