Lobos: características, habitat e vida social

O lobo é um animal selvagem, mamífero, aparentado com o chacal e o cachorro doméstico. É carnívoro e pode medir até 1,60 m de comprimento, incluindo a cauda (de 45 cm), e geralmente tem 85 cm de altura.

Pesa em média 50 ou 60 kg. Tem dentes muito poderosos e cauda peluda. Diferencia-se do cachorro doméstico por determinadas características dos ossos do crânio. O lobo tem os flancos finos, ossos e músculos salientes.

Os olhos, brilhantes como brasas, não são dispostos horizontalmente, como os dos cães, mas em linha oblíqua. Vive em média de 16 a 20 anos, e pode correr a 45 km/h.

Habitat

Vive hoje nas regiões setentrionais da Europa, Ásia e América. O lobo raramente se isola de seu círculo familiar. Na primavera, a fêmea escolhe um abrigo, junto a uma rocha ou sob uma árvore, e aí prepara um leito de folhas e pêlos, para dar luz à seus filhotes.

Lobo Guará

Seu nome científico é Chrysocyon brachyurus. É um animal mamífero e carnívoro, e está classificado como um animal vulnerável. Família dos canídeos. Ele é o maior canídeo sul-americano, com cerca de 20 a 32 kg.

Seu nome popular vem da pelagem amarelo – avermelhada. Vive em campos cerrados, e ocorre a presença do lobo-guará em alguns países da América do Sul: Brasil, Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai.

Vida social dos lobos

Forma grupos familiares e costuma caçar em bandos, nos quais existe hierarquia, sobretudo no inverno. É de hábitos noturnos e evita o homem. Pais e crias constituem a unidade básica do grupo, que se estabelece em um território e o defende marcando-o com urina e fezes.

Os lobos têm uma estrutura social muito hierarquizada e mostram modelos de comportamento concreto para informar sua posição social de domínio ou submissão. O lobo emite um uivo muito peculiar, que é mais fácil de ser ouvido durante o acasalamento, no inverno.

O lobo é um animal predador com o qual o cão pode se hibridar; há muitas subespécies geográficas que se diferenciam em porte, pelagem e forma. Caçado devido aos estragos que provoca quando em matilhas, desapareceu de algumas regiões, mas é protegido por diversos países, como o Canadá, onde estes ajudam a controlar a multiplicação dos cervídeos.

Lobo-Cinzento

O lobo-cinzento é uma das 35 espécies de mamíferos que pertencem à família dos Canídeos, na qual se incluem o coiote, o chacal, a raposa e o cachorro. Acredita-se que essa família se originou na América do Norte, durante o Eoceno.

A área de distribuição do lobo-cinzento se estende pela América do Norte e pela Eurásia. Ocupa uma grande variedade de habitats, incluindo zonas montanhosas, planícies, florestas, a tundra e a taiga.

Palavras relacionadas a este artigo:
  • características delobos
  • como é alimentação de lobos americanos