Os objetivos da ONU (Organização das Nações Unidas) estão indicados tanto no preâmbulo quanto em seu artigo 1º:

A) Preservar as gerações vindouras do flagelo da guerra, que por duas vezes trouxe sofrimentos indivisíveis à humanidade;
B) Reafirmar a fé nos direitos fundamentais do homem, da dignidade e do valor do ser humano, na igualdade de direito dos homens e das mulheres, assim como das nações grandes e pequenas;
C) Estabelecer condições sob as quais a justiça e o respeito às obrigações decorrentes de tratados e de outras fontes do direito internacional possam ser mantidos;
D) Promover o progresso social e melhores condições de vida dentro de uma liberdade mais ampla;
E) Praticar a tolerância e viver em paz, uns com os outros, como bons vizinhos, e unir as nossas forças para manter a paz e a segurança internacionais, e a garantir, pela aceitação de princípios e a instituição dos métodos, que a força armada não será usada a não ser no interesse comum;
F) Empregar um mecanismo internacional para promover o progresso econômico e social de todos os povos;
G) Manter a paz e a segurança internacionais e, para esse fim, tomar coletivamente, medidas efetivas para evitar ameaça à paz e reprimir os atos de agressão ou outra qualquer ruptura da paz e chegar, por meios pacíficos e de conformidade com os princípios da justiça e do direito internacional, a um ajuste ou solução das controvérsias ou situações que possam levar a uma perturbação da paz;
H) Desenvolver relações amistosas entre as nações, baseadas no respeito ao princípio de igualdade de direito e de autodeterminação dos povos, e tomar outras medidas apropriadas ao fortalecimento da paz universal;
I) Conseguir uma cooperação internacional para resolver os problemas internacionais de caráter econômico, social, cultural ou humanitário, e para promover e estimular o respeito aos direitos humanos e às liberdades fundamentais para todos, sem distinção de raça, sexo, língua ou religião;
J) Ser um centro destinado a harmonizar a ação das nações para a consecução desses objetivos comuns.
Para a realização desses propósitos devem os Estados-membros da ONU proceder de acordo com os seguintes princípios: igualdade soberana de todos os membros; boa-fé no cumprimento das obrigações; solução pacifica das controvérsias; abstenção do uso da força contra a integridade territorial ou a independência politica de qualquer Estado; não intervenção em assuntos essencialmente internos dos Estados.