Raças de Cães: Yorkshire (comportamento, dicas, origem, cores, historia, cuidados, cachorros, guia)

yorkshire

dicas, cuidados e comportamento dos cães da raça yorkshire

O yorkshire é um cachorro de pequeno porte, encontra-se na família dos terriers. É um cão que está na preferência de mulheres e crianças.

Características:

O yorkshire é um cão de pequeno porte, cujo peso não deve ultrapassar 3,1 kg. Seu pêlo é comprido, sedoso e perfeitamente reto, sem ondulações. A coloração, ao longo do tronco, é azul-aço e fulvo (castanho intenso e brilhane) no rosto, patas e peito. Seus olhos são redondos, escuros e brihantes. Suas orelhas devem ser retas, pequenas, bem inseridas e em forma de V.

Origem da raça:

A raça é de origem britânica (particularmente na Escócia). Porém, o desenvolvimento desta raça começou muito tempo antes da data do primeiro registro oficial. Há relatos variados sobre suas origens e seu desenvolvimento.

Por volta do século XI, os servos e os trabalhadores para manterem cachorros em quase toda a Inglaterra, deveriam seguir uma lei real, controlada pelos guardiões das florestas reais, obrigando todos os cachorros atravessarem um aro metálico de sete polegadas de diâmetro, para serem classificados como sendo pequenos o suficiente, pois esta classe servil trabalhadora não tinha o direito à caça para a sua subsistência.

No princípio, os cachorros eram usados para caçar ratos e camundongos, embora eles realmente não tivessem a melhor adequação para este trabalho, pois os gatos eram muito mais eficientes nesta função. Não obstante, os cachorros eram úteis completando a dieta do dono pobre, pois caçavam um coelho ou outro pequeno animal ocasionalmente, apesar da proibição.

Antes de 1750, a maioria dos britânicos trabalhava na agricultura, mas com a revolução industrial houve grandes mudanças na vida familiar e muitos operários deixavam a Escócia para transferir-se ao Condado de Yorkshire, levando junto consigo os seus cães.

A primeira aparição nas exposições foi em 1861, em Birmingham. A primeira inscrição no livro de registros de um Kennel Clube foi feita em 1886. Assim, sua história atual tem mais de cem anos. Em 1898, o Kennel Club da Inglaterra reconheceu-o com o nome de Yorkshire Terrier.

Comportamento:

Apesar do pequeno tamanho, o yorkshire mostra-se muito ativo e independente. Baseando-se nisso, pode-se dizer que a melhor posição do yorkie seja perto do dono, mas não gostam muito de colo. Passear ou viajar com a família também deixa um Yorkie feliz, pois não se contenta em ser somente companhia, querendo compartilhar de todos os momentos.

O yorkshire possui um caráter dócil e sociável, que permite levá-lo a todos os locais sem inconveniente. Seu temperamento carinhoso o torna um grande companheiro, divertido e devotado, para com aqueles que o cercam, particularmente seu dono. O yorkie tem por hábito andar atrás do dono, onde quer que ele vá.

Pelagem:

A maior dificuldade em criar o yorkshire para competições, segundo os criadores, é obter a coloração correta da pelagem, pois as maiores pontuações dessa raça, referem-se a coloração. Por definição, o yorkshire deve ter duas cores: o azul-aço escuro e o fulvo, atentando para o fato de que as cores não devem se mesclar.

O azul-aço não deve ser escuro demais a ponto de ficar preto, e nem claro, parecendo prateado. Já os pêlos fulvos, são levemente mais claros nas pontas que nas raízes e devem produzem um colorido dourado.

Palavras relacionadas a este artigo:
  • cachorros de raça
  • raças de cachorros pequenos
  • yorkshire comportamento
  • comportamento da raça yorkshire
  • Raça de cachorros